como conseguir comer minha prima


Click to Download this video!

Olá, sou cara que se acha com muita sorte por que o que vou começar a contar é um relato verídico que aconteceu quando eu estava com 16anos e morava em são paulo,vamos ao relato nessa época recebi uma ligação de um primo que morava na bahia numa dessas cidade esquecida no mundo e ele me falou que estava vindo para sampa para arrumar um serviço, e eu falei que tudo bem que ele poderia ficar morando em casa ai ele me disse que sua irmã queria vim junto pois ela estava com serviço arrumado em casa de familia e se ela poderia ficar em casa também minha mãe logo foi falando que sim e eu nunca tinha visto ela e imaginei que fosse uma daquela baranga, pois a cidade onde eles morava erá muito pobre e na casa deles não havia nem energia elétrica, mais qual foi a minha surpresa era uma morena muito bonita com 1.70cm de altura seios em formação do tamanho de duas laranjas, perna cheios de pelinhos bem ralinhos,e com cara de evangélica, pois estava com uma saia surrada amarela meio que transparente blusinha social que deixava á vista oformatos de seus seios pois ela não usava sutie pois ela só tinha poucas roupas e velhas a minha mãe pediu que eu fosse mais ela no fim de semana numas lojas, para que ela pode-se comprar algumas coisas como saias, blusas e a melhor parte calcinhas, e também mostra-se a cidade também mais ela nunca tinha andado de trên e como eu poderia tirar algum aproveito da cituação logo chegou o sabádo e eu falei que teria que sair muito cedo pois teria de jogar bola com a rapaziada mais erá só uma desculpa pois nesse horario os trêns são lotado e poderia aproveitar para tirar uma casquinha dela e eu fui logo colocando medo nela falando que tinha assalto, os caras abusava das mulheres que anda sozinha e ela ficou com muito medo quase decistiu de ir ai eu falei que ela teria que ficar juntinho de mim e ela dise que tudo bem eu escolhir o vagão mais cheio pois e entramos e logo me coloquei atráis dela e falei no ouvido fica tranquila que sou eu e ela me falou tudo bem na hora meu pau ficou duro ela deu uma olhada mais não falou nada e eu fiu ficando mais ousado pois estava com muito tesão porque ela estava com a mesma saia amarela com o pano muito fino e o meu pau logo se alojou-se no meu da sua bunda e percebi que ela tentou se escapar mais como o vagão estava muito cheio ela em conseguiu se mexer ai eu fui passando a mão pela sua cintura e percebi que ela deu um suspiro como se estive gostando ai resolvi levantar um pouco a sua saia e alisar sua coxa até chegar em sua bunda e conseguir sentir a sua calcinha que era grande e estava rasgada mais logo chegamos na estação e tive que parar para meu azar mais não ia desistir facil mais assim que sai do vagão eu vi que ela estava vermelha de vergonha e ela me perguntor se erá eu que tinha passado a mão nela pois ela não tinha visto quem foi ai eu respondi que sim e ela falou porque eu tinha feito isso então falei que erá para ver a situação que estava a sua calcinha pois ela teria que comprar algumas e então ela falou que as dela estavam boa ai eu dei risada pois estava toda cheia de furos então eu falei que eu iria escolher as calcinhas novas mais teria que ver ela usando ela relutou um pouco mais concordou, é logico que eria escolher uma transparente e bem pequena e foi o que aconteceu ao voltar para casa rinha que pensar como iria ver ela usando as calcinha novas pois a casa viviam cheia de gente, mais logo me veio a ideia pois ela me falou que na segunda ela iria sai para procurar trampo, pois estava demorando que tinha prometido para ela ai minha mãe me disse porque eu não iria mais ela já que não estava trabalhando foi ai que vi a minha opotunidade de ver as calcinha da minha priminha ai eu falei para ela colocar as calcinha dento da bolsa dela e coloca-se o vestidinho que ela compro pois ele erá um vestido muito leve e seria facil para ela me mostra as peças ela relutos mais na segunda ela estava pronta como eu tinha pedido e fomos lá e no caminho ela foi me perguntando para onde eu levaria ela ai eu falei que levaria para procurar trampo mais como ela não conhecia nada eu há levei para uma rua deserta com poucas firmas abandonada onde não passaria ninguém quando seguei lá olhei para ver se não tinha ninguém e entrei nesse galpão vazio e ela se assustou por que peguei ela palo braço ela ficou sem reação e falei que é a hora dela pagar a divida ela falou que divida eu falei se ela não me mostra-se eu iria larga ela lá ai ela me falou que iria mastra mais eu teria que ficar de costa eu falei que não então ela foi levantando o vestido e conseguir ver uma calcinha linda de rendinha mais como elanunca tinha usado uma dequele tamanho deu para ver q ela nunca tinha raspado a xana pois estava um matagal pelos saindo para todos os lado isso me deixou maluco ai fui para cima dela agarrei ela de um beijo e ela retribui deitei ela no chão sujo o vestido estava já na altura dos seus seio logo cai de boca neles ela suspirava sua respiração só aumentavaai fui descendo beijando sua barriga e descendo até sua calcinha onde á retirei rapido póis queria chupar logo aquela xaninha cheia de pelos e a minha priminha foi ao delirio gozando pela primeira vez pensei que ela ia ter um coisa por que ela tremia muito ai a coloquei de quatro e passei a lingua no reguinho e fui colocando meu pau na sua xana já toda molhadinnha e fui enpurrando ela ameaçou dá um gritinho mais eu alcamei felei que iria doer um pouca mais ela iria gostar e pedir para ela começar a rebolar que iria facilitar e foi isso que ela fez ai entrou até as bolas ai comecei um vai e vem cada vez mais forte até ouvir ela falar que estava gozando ai eu tirei e coloquei em sua boca e gozei na boca dela ela ia cuspir mais pedir para ela engulir e ela vez então ela virou a minha putinha tansavamos quase todos os dia até que ela arrumou ou serviço, mais isso fica para o proximo conto espero que vc tenha gostado até o proximo.