Meu Doberman me fodeu gostoso II


Click to this video!

Olá pessoas maravilhosas! Demorei mais estou aqui novamente para dar a continuação sobre meu inicio na zoofilia.
Depois de foder com o meu doberman Hadar, passei o final de semana inteiro de quatro para ele pois aquela pica aquela rola aquele nó rasgando minha buceta nada mais queria que começar a semana me sentindo bem comida. Na segunda no meu horário de almoço liguei para loira e contei tudo que aconteceu, ela começou a rir e me disse que ñ seria novidade afinal eu tenho um belo de um cão e para ela seria normal já que ela é uma praticante de zoofilia a anos. Fiquei boba pois ñ sabia que a loira fodia com animais e então ela começou a me contar… A loira começou com 10 anos, ela estava em casa sozinha ja que os pais são separados e o irmão mais velho mora na europa, ela falou que era um dia de semana e estava muito calor então foi tomar banho no chuveiro do jardim que nisso ja que estava sozinha ficou nua deitou na cadeira do jardim quando de surpresa o vira-lata que ela tinha na época começou a lamber suas pernas e aquilo foi excitando então ela abriu as pernas e ele foi com a língua na buceta lambendo sem parar, ela disse que ele lambia tão gostoso que ñ se importou com nada e foi a sua primeira gozada. quando perdeu a virgindade com 13 anos com um primo logo começou a foder tbm com o vira-lata e quando o cachorro morreu de velho ela pegou outro tratou cuidou e fodia com esse outro tbm. Hoje ela tem um casal de dálmatas e um gato angorá. a loira me contou sua rotina para mim, disse que quando acorda para ir trabalhar quase tds os dias o gato dela sobe na cama e ela logo abre as pernas para ele lamber sua buceta, aquela língua áspera era gostosa e quase toda anoite quando chega da faculdade vai cuidar dos dálmatas, de saia sem calcinha o macho ja vem com tudo foder ela e quando a fêmea esta no cio ela brinca com a buceta da cadela que é engraçado a cadela gozando nos dedos dela.
De inicio achei estranho mais fiquei de calcinha molhada ouvindo a loira contar algumas de suas experiencia e logo comecei a bolar um plano de foder com o Hadar sem tirar atenção dele do seu trabalho que é de vigiar a casa na madrugada. Então comecei uma rotina, chego em casa vou direto dar a comida do Hadar troco a água e enquanto ele come, bebe e descansa, vou arrumando algumas coisas e quando termino a arrumação, cubro o sofá com o pano e vou me divertir com o Hadar… E foi assim quase tds os dias daquela semana sendo fodida pelo meu doberman.
Na sexta feira tive que levar Hadar para o sítio dos meus pais, um canil estava com uma doberman no cio e meu pai pediu para levar para cruzar com Hadar, cheguei era sexta anoite mais ou menos as 22hrs e sábado de manhã meu pai levou Hadar para o canil, meu pai tem um casal de boxer a fêmea tinha 25 dias que deu cria e dois gatos vira latas que apareceram na fazenda e ficaram como gatos de estimação. Foi A noite fui dar uma volta na cidade visitar alguns amigos fui pro barzinho e voltei para casa dos meus pais, ñ passava das 23 hrs mas cidade pequena tds dormem cedo, dei meu beijo de boa noite nos meus pais vesti uma camisola e fui para sala assistir tv… No canal fechado estava passando filme porno desbloqueei o canal e comecei a assistir um puta de um negão fodendo com força a loirinha e lembrei da minha loira gostosa e amiga de foda kkkk.. lembrei quando ela me falou que o gato dela lambia sua buceta quase toda amanhã e lembrei o que ela fez para viciar o gato a fazer isso, tirei a calcinha fui atéa cozinha passei mel na minha buceta ja molhada e levei os gatos para meu quarto. Deixei eles sentirem o cheiro e um deles logo começou a lamber e….aaai que delicia aquela língua áspera e logo o outro lambia tbm… eles ñ lamberam por muito tempo então esfreguei a buceta na ponta da cama onde o enfeite era três bola uma encima da outra e esfreguei até gozar. Depois que gozei deitei de pernas abertas e acho que o cheiro atrairão novamente os gatos que lambia minha buceta me deixando excitada novamente. Logo lembrei do Ralf o boxer macho do papai, peguei uma almofada fui para fora chamei e ele veio, comecei a brincar com ele mexia no seu pau e logo Ralf colocou a cabeça vermelha para fora, fiquei de quatro na varanda no perigo de alguém aparecer e ver aquela cena kkkkkk mas ñ queria saber só queria ser fodida, com um pouco de trabalho conseguir penetrar o pau do Ralf na minha buceta, o pau dele ñ era tão grande igual do Hadar e o nó ñ chegou dar a sensação de estar rasgando mas mesmo assim gozei 3 vezes com o pau dele dentro de mim.
Domingo de manhã voltei para minha casa e já sentia falta do Hadar, durante a semana a loira foi para minha casa e levou o dálmata dela e passei três dias fodendo com o dálmata e chupando a buceta da loira e ela a minha.
Na semana seguinte meus pais trouxeram Hadar mas ñ ficaram em casa foram viajar p MG. Assim que fiquei sozinha com meu dog logo tirei a roupa fiquei de quatro e fodemos gostoso nunca fui tão bem comida Hadar come melhor que muitos homens. Quando menstruei passei a chupar o pau do Hadar, no começo tinha nojinho mas o gozo dele ñ tem gosto de nada. E hoje minha rotina é exatamente assim… Sou fodida pelo meu doberman chupo a rola dele deixando sua porra escorrer pela minha boca seios e buceta.