Filhinha greluda e putinha desde menina


Click to this video!

Me chamo Vania sou casada, 45 anos, 2filhos 1homen e 1 mulher. Hoje os 2 estão casados e vivem suas vidas. Eu quando menina de 6 pra 7 tinha uma prima de 17 que adora tomar conta de mim, era minha babá e ela tomava banho comigo, e no banho sempre se deitava no chão e me mandava ficar em cima dela me esfregando, depois íamos pra o quarto e na cama ela abria as pernas e dizia vem me lamber ou conto pra tia que vc chamou palavrão, eu não sabia direito mas ela ensinava, fui me viciando e adorava lamber, contava as horas pra ela chegar. Se passaram 10 anos ela casou e eu noivei, noiva conheci uma mulher casada experiente que já tinha transando com minha prima e assim eu fui ativa com ela e ficamos até o dia do meu casamento, casando fui morar longe e acabou. Fiquei gravida de uma menina, minha filha nasceu com a bucetinha greludinha, e aos 4 anos os lábios da bucetinha dela eram salientes, sempre que dava banho sentia uma frieza de passar a mão. Aos 6 ela começou a se esfregar no meu joelho, nossa ela ficava horas e eu deixava, aquilo me deixava louca, ela as vezes vinha sem calcinha e sentava de pernas abertas encaixava a bucetinha no meu joelho e ali delirava, e eu também. Com 7aninhos ela começou a lamber as bonecas delas e se esfregar em uma que era maior, mas desistia e vinha pra mim, então comecei a conversar com ela e perguntei porque ela fazias aquilo e ela me disse que sua bucetinha queimava, ardia e so melhorava quando ela fazia. Eu disse venha aqui deitei ela na mesa e disse a mamãe vai ver, quando tirei a calcinha ela tava toda babadinha, fique alisando, abrindo, fechava e vi que ela delirava, eu não resisti e lambi. Fiquei lambendo, lambendo, chupa os lábios e minha buceta batia palmas de tanto tesão, sei quer passei muito tempo, parecia um capô de fusca, bem carnuda e alta. Gosei muito. Peguei ela no colo e disse a ela que isso era um segredo meu e dela. E nossas tardes começaram a esquentar, ela se esfregava na minha buceta depois que a chupa e deixava bem babada, eu me viciei em masturba-la, ela adorava, aos 9 anos já comia meu dedo todinho, entrava na bucetinha e saia. Os peitinhos crescendo e ela ficando bem putinha, aquele grelo queria toque todos dias. Quando engravidei fiquei mas tarada ainda e meu marido passava a semana em outra cidade trabalhando, ela passou a dormi comigo e tinha noite que nem dormíamos assistindo vídeos de sexo e ela sendo minha putinha. Ela já vivia se calcinha, o grelo grande, os lábios bem grandes todo pra fora da buceta. Seios pequeninos, e o instinto de puta gritava nela, começou a dar a meninos e depois me contava e gosavamos juntas. Certa vez deu a 3 meninos estava com 13 anos, isso me excitava demais e eu a chupava até ela gosar na minha boca. Ela na escola dominava os meninos, iam pra quadra e lá ela trepava com todos. Chegava em casa toda arregaçada pra eu chupala, ela so gosava na minha boca. O pai nunca soube de nada, era a filhinha dele. Ela encontrou um cara mas velho e se apaixonou, com 18 engravidou e foi morar com ele. Hoje são casados e vivem em Portugal. Quando vem para cá sempre brincamos, ela diz que senti saudades da minha boca e me deixa chupar o seu grelo até ela me da o suquinho tesudo de goso ma minha boca.