Carnaval Inesquecível de 2016, onde realizei minha Fantasia

Click to this video!

Bem o que vou relatar para vocês foi uma coisa incrível, superou a minha expectativas, foi alem da minha imaginação, eu realmente não esperava.
Eu sou uma pessoa madura, sou casado, minha esposa também madura,bonita professora, morena, tem umas pernas linda, uma bundinha carnuda saliente que mexe com a imaginação dos homens, uma morena jambo bronzeada, já algum tempo venho ficando exitado com os olhares dos homens para ela, principalmente quando vamos a praia, comecei a imaginar ela metendo com um outro homem, mais ela não estava entendo nada, comentava com ela mais nada entendia, comecei então na hora do relacionamento falar coisas do gênero, chamando ela de puta, que ela esta dando a boceta para outro, quando ela me chupa eu digo isso sua puta chupa a rola do seu macho, esta coisas, ela então começou a me chamar de corno, qualquer dia eu vou dar mesmo, e você vai ser corno de verdade, e eu vou ser uma puta mesmo, mais isso só na conversa e a gente gozava gostoso.

O tempo foi passando, ate que agora no Carnaval de 2016, uns colegas onde eu jogo bola nas quintas feiras e no Sábado, resolveram reunir um pessoal para passar o carnaval fora, alugar uma casa com piscina e ficar lá pelo menos uns três dias, na hora tudo acertado, quando chegou o dia sobrou 8 pessoas, o Flavio que é um viúvo, maduro também, muito simpático , o Andre que iria levar e mulher, o Carlinhos, Valdir, e o Alemão, eu que também iria levar minha mulher, conversamos e resolvemos ir nos mesmos.

Fomos na Sexta Feira, compramos as coisas, chegamos lá ´por volta de umas 19 horas, arrumamos as coisas e começamos a beber, houve as apresentações, e tudo bem, e mulher do Andre muito enjoada, já ficou de cara amarrada, os quartos ficou para os casais o restantes dormiriam na sala, tudo legal, fomos dormir de madrugada, minha mulher estava se divertindo, brincava com todos, contávamos piadas, tudo legal.

No dia seguinte tomamos o café e fomos curtir a piscina, minha mulher como sempre com aquela bunda de chamar a atenção, meteu um biquine arrasador, nossa ate eu estava ficando exitado, o Andre e a esposa não estavam se entendendo, lá por volta de umas 16 horas o Andre pegou suas coisas e foi embora, escutei rumores que a mulher dele estava com ciumes, e dizendo que isso estava cheirando putaria, acabamos ficando só seis, eu conversei com minha mulher perguntei amor tu queres embora também, só ficou você de mulher, ela me respondeu claro que não, agora que vou ficar, e deu uma risadinha, aquilo estava me cheirando mesmo putaria, mais tudo bem.

Fizemos um churrasco, e curtindo a piscina muito calor, já escurecendo se reunimos nos fundos da casa onde estava a churrasqueira e ao lado a piscina, e ficamos bebendo, já era umas 20 horas, isso já no Sábado, minha esposa estava de biquine com uma canga amarrada na cintura, conversa vai com versa vem, e tome bebida, já estávamos todos meio bêbados, mais ainda normal, a musica tocando, o Flavio pediu se poderia dançar com minha mulher, eu disse use e abuse, eu estava de sunga, o Flavio de shorts, e os outros de sunga, menos o Alemão que também estava de shorts, o Flavio começou a dançar com ela, como já estávamos todos pra lá de baguidá , o Flavio começou a apertar ela por demais, e ela correspondendo, se esfregava nele, dava para ver o volume da rola dele dura, os outro também, estavam sentindo isso, o Alemão também esperto pegou a vassoura, começou a brincadeira da vassoura, e falou para o Flavio só você quer dançar, e começou a dançar com ela não foi diferente começou também tirar uma casquinha, bem todos começaram a pegar a vassoura para dançar com ela, e todos estavam sarrando ela, mais ela aceitando levando na brincadeira, eu já estava exitado só vendo os caras sarrar ela.

Ela deu uma parada e foi tomar uma batida, e como estava calor foi dar um mergulho, voltou tomou mais um copo de batida, só que voltou só de biquine o Flavio mais que de pressa tirou ela para dançar de novo, não dando tempo para ela colocar a canga, ela ficou só de biquine , na área que estávamos eu fui lá e apaguei a luz, ficando um pouco escurinho, só mesmo a luz da cozinha dava uma penúmbla, escurinho, os caras disseram uma boate, o Alemão de novo pegou a vassoura, e foi dançar com ela, ficou aquela troca de parceiros, ate que o Carlinhos e o Valdir foram ver o desfile na televisão, ficou dançando o Flavio e o Alemão, logo um estava dançando pela frente e o outro dançando nas costas dela, e esfregava a rola na bunda dela, dependo do ritmo da musica ela se esfregava neles com vontade, já estava virando sacanagem, ela não reclamava, aceitava tudo numa boa, ate que o Flavio lhe deu um beijo na boca, aquele beijo, ai foi a gota d!água , eles vendo que eu também não recriminava , ele tirou a rola para fora e colocou no meio das pernas dela, ela rebolava na rola dele, o Alemão que estava por trás fez a mesma coisa, nossa ela estava louca, ela então se vira para mim e diz pega um copo de batida para mim ai seu corno, e vira o copo, o Alemão por sua vez, pega e tira a calça do biquine dela, deixando ela nua da cintura para baixo, e desabotoa a parte de cima e deixa cair, ficaram brincando com ela ali mesmo, se esfregando, eu fui ate a sala os dois estavam dormindo, quando voltei pude ver o tamanho da rola do Flavio nossa grande cabeçuda, a do Alemão não fica muito longe disso também não, grande também, eu então disse não e melhor irem para o quarto os dois estão dormindo, eles foram nossa meteram quasse que a noite toda ela adora sexo anal, foi difícil aguentar a rola na bunda mais os dois meteram na bunda dela, nossa ela gemia, fizeram dupla penetração, ela dizia e isso seu corno que você queria ver agora você e corno mesmo e eu sou um puta, nossa e meteram nela para caralho, o Alemão gozou umas duas vezes desmaiou , o Flavio nossa o coroa é bom de rola.

Ela foi tomar um banho e deitou-se no nosso quarto, eu tomei banho e fui chupar a boceta dela, ela disse eu não lavei direito esta cheia de porra, por incrível que pareça esquecemos a camisinha os dois gozaram dentro varias vezes, eu ainda sentia o cheiro de porra, ela estava doidinha, ela disse os outros dois não vão foder, e disse vai buscar uma batida, ela peladinha na cama, na cozinha o Flavio perguntou ela já foi dormir eu respondi não esta deitada lá, vim buscar uma batida, ele perguntou posso ir lá, eu disse claro, ele foi, quando cheguei lá os dois estavam, se beijando nossa que tesão inexplicável, eu fechei a porta deixei eles se amarem ela então veio por cima cavalgar, nossa colocou aquele mastro todinho na boceta, eu por trás vendo e chupando o cu dela, nossa que delicia, teve uma hora que a rola escapou de dentro e eu acabei metendo ela na boca, nossa que coisa deliciosa, ele gozou de novo na boceta dela e depois meteu no cu também, ai acabamos dormindo os três juntos.

Pela manha os comentário dos outros dois, não entendiam nada acordamos tomamos um café, conversamos normal, lá pela 10 já começamos a beber ela foi tomar sol na piscina, escutei o Carlinhos e o Valdir perguntar para o Flavio pó você dormiu no quarto com eles, ele respondeu sim porque, escutei ele perguntar você meteu nela, a resposta dele foi a seguinte vocês não foram assistir o desfile, eu e o Alemão ficamos aqui dançando, ficaram com a pulga atrás da orelha.

O dia se passou Domingo, os meninos são fraquinhos na bebidas, chegou a noite, tome bebidas, ela foi tomar banho na piscina já era umas 21 horas, quando voltou perguntou para mim e os dois não gosta, eu respondi estão cabreiro, já estávamos alegrinhos bebemos o dia todo, começou a dança, só que desta fez ela estava só de biquine o Carlinhos e o Valdir estavam abismado, cabreiro, vendo ela dançar e se esfregar no Flavio o Alemão passou por ela e deu um tapa na bunda dela, dizendo eta bundão gostoso, eles riram, eu perguntei vocês não gostam de dançar, o Valdir disse só de ver olha como estou, eu disse vai lá e dança assim mesmo, ele disse não tem problema eu disse claro que não aqui só tem solução ele pediu para o Flavio deixa eu dançar com ela um pouco também, ele começou a dançar com ela eu apaguei a luz deixando escurinho, ele se esfregava nela para caramba, o Flavio e o Alemão deixaram os dois ali sozinho com ela, pois eles já haviam metido nela, como os dois não tomavam nenhuma iniciativa eu dançando pelas costas dela comecei a abaixar calça do biquine e soltei a parte de cima deixei ela peladinha nossa os dois tiram a sunga, o rola não era aquelas coisas no máximo 17 cm, eu peguei ela levei para o quarto o Valdir caiu de boca chupando a boceta dela, e logo meteu, pedi para ela cavalgar na rola dele, e o Carlinhos colocar na bunda dela, foderam com ela mais gozaram logo, eram fraquinhos de rola, o Valdir foi deitar na sala, e o Carlinhos também, eu dei uma chupada na boceta dela lambendo aquela porra todinha, ela perguntou então corno estou me saindo bem, eu disse superou a minha expectativas, ela levantou tomou um banho, saiu do banheiro não acreditei peladinha foi na cozinha assim mesmo pegou batida, eu perguntei perdeu a vergonha, ela disse já dei para todos agora não tenho mais nada a esconder, foi para o quarto, o Alemão entrou e começou chupando ela e foderam por um tempo, ele era a rola mais grossa de todos, nossa ele também sabia foder, judiou dela meteu no cu dela gozou umas três vezes, satisfeito ele saiu foi tomar banho, ela no banheiro ainda fez uma chupeta ele gozou na boca dela, e foi dormir, depois eu soube que ele e o Flavio combinaram de um meter depois o outro iria, o Flavio veio e passamos a noite metendo, o Flavio e bom de rola, tem uma caçeta grossa grande também, foi o único que eu chupei, ele e mais entendido.

Foi maravilhoso na segunda passamos o dia quasse todos metendo na piscina um metia gozava ia o outro foi uma loucura, na terça depois do almoço viemos embora para não pegar transito, no caminho de casa viemos conversando ela adorou disse que perdemos muito tempo que agora queria meter muito, e que eu não a proibi-se, que a partir de agora eu seria corno mesmo, e disse mais o Flavio vai a noite lá em casa para foder, eu disse tudo bem só que eu quero ver, ou que ela me conte tudo se sair com alguém, dessa turma só mesmo o Flavio e o Alemão que as vezes vão lá em casa, os outros dois o Carlinhos e o Valdir as vezes ligam para ela e vão a motel, nossa vida mudou neste carnaval, superou a minhas expectativa, queria ver ela metendo com um homem acabei vendo ela dar para quatro , nunca gozamos tanto assim , e maravilhoso . espero que tenha gostado.