Menopausa da minha mulher atiçou nossa vida sexual


Click to this video!

Lendo um conto nesta seção deparei com um conto que me identifiquei ou seja aconteceu uma historia comigo meio parecida que foi a principio muito bom.
Eu sou casado de meia idade, minha esposa também de meia idade mais muito bonita, gostosa, uma bunda carnuda saliente, um quadril largo pernas grossas, e adora sexo, fazemos de tudo anal, vaginal, oral, não temos limites, não sou dotado meu pênis de pequeno, tem, 14 cm, por uns 3,5 cm, mais sempre fomos muito bem no sexo.

Minha mulher entrou na tal menopausa, em conversa com amigos onde as suas esposas passaram por esta face, a maioria disse que a mulher ficou sem interesse pelo sexo, nossa fiquei preocupado, pois pensei logo que a minha iria ficar assim, mais pelo contrario ela passou a ter mais vontade ficou mais fogosa, eu já não estava dando conta, gozava com mais facilidade e por mais vezes, e queria mais, um dia na hora do sexo acabei falando que que iria ter que arrumar um amigo para me ajudar, nossa não esperava pela resposta dela, ela então me respondeu se fosse para arrumar que arrumasse algo que prestasse, perguntei como assim, ela disse uma rola grossa, grande para judiar da minha bocetinha, nossa aquilo ficou na minha cabeça.

Na verdade já imaginava ela metendo com outro, pois a gente tem o habito de nos finais de semana a gente sair ir dançar ir em forros, ela dança a vontade com outros homens e me conta que os caras ficam de rola dura esfregando nela, eu levava na esportiva, depois da menopausa, ela ficava mais exitada chegava ao orgasmo só dançando se esfregando, coisa de louco.

Quando foi no final do ano passado fomos a um forro, mas estava muito cheio, não estava bom, já por volta de um hora acabamos indo embora, só que ele queria beber mais , passamos por um bar que tem estas maquinas de musica, e um salão de sinuca, costumeiramente frequentado só por homens ou mulheres a procura de um, resolvemos entrar, pouca gente, um casal, e duas mesas jogando, pedimos umas bebidas cuba Libre, para quem não conhece e Rum com coca cola, ela esta vestida com um vestido daqueles de malha que toda hora tem que estar puxando, principalmente ela com uma bunda saliente, quando sentou já mostrou boa parte das pernas, das coxas melhor dizendo, o casal acabou indo embora, e uns outros homens que ali estavam também foram embora, ficou apenas uma mesa com dois caras jogando um de uns 24 anos, e o outro já de meia idade e o dono do bar, percebi que eles não tiravam os olhos das pernas da minha mulher, acabei comentando com ela e disse e melhor irmos embora, ela disse porque, isso já rolava duas horas da manha, eu disse só estamos nos aqui e você de mulher, ela já movida pela bebida começou a relaxar, abria as pernas, os caras já estavam percebendo, eu não sabia que o bar fechava as duas horas, ela resolveu aprender jogar sinuca, eu disse amor já esta tarde , ela quis porque quis, eu então perguntei para os caras, amigos você se incomodariam se ela tentasse jogar, ela não sabe nem pegar no taco, eu também não sou muito bom nisso, o mais velho disse não tem problema eu ensino ela, nisso percebi o cara fechando o estabelecimento, eu então perguntei se poderia tomar mais uma, ele respondeu não tem pressa não, só fechei para não entrar bêbado para encher o saco, nisso percebo o rapaz segurando minha mulher por trás ensinando ela a jogar.

Nossa aquilo estava me dando um tesão, fui buscar a bebidas no balcão, minha mulher veio e me disse Amor os caras querem meter em mim o que faço ela já alcoolizada, eu disse você e quem sabe, eu sempre ando com camisinha no bolço dei a ela se quiser, use, ela pegou o copo e saiu bebendo e foi jogar, na verdade ela não queria jogar nada estava gostando da sacanagem, quando eu olho o rapaz mais novo já estava metendo nela, ela debruçada na mesa e ele fodendo ela por trás, nossa fiquei louco de tesão, ai também já estava alcoolizado cheguei junto e fui tirando a roupa dela, deixei ela peladinha, o rapaz gozou, deu lugar para o mais velho, que ´por sinal tinha uma rola grossa 18 cm, ele colocou ela deitada numa mesa e meteu nela de frango assado, nossa como metia, logo notei que o dono do bar um mulato nordestino com uma rola enorme 22 cm, cabeçuda já pelado veio o coroa gozou o nordestino meteu a rola nela, nossa ela uivava na rola dele, ele beijava ela na boca, e socava forte, o coroa do meu lado já com a rola meio mole com a camisinha ainda, eu tirei a camisinha e não aguentei acabei pagando um gulosa, chupei a rola dele melada de porra deixei ela dura de novo, o nordestino gozou o coroa quis meter no cu dela, ela virou outro copo de bebida virou de costas e ele começou a socar a rola no cu dela, nossa ela vibrava, dizia que delicia, ele gozou, o nordestino que estava do meu lado que também havia chupado sua rola veio e socou no cu dela ate gozar, nossa que delicia, foi uma noite maravilhosa, ela foi no banheiro se lavar e fomos embora, ela agradeceu amor obrigado por este prazer de hoje.

No caminho eu estava com fome, acabamos parando num carrinho de lanche, ela estava bebinha, estávamos comendo um negro forte, meia idade não tirava os olhos dela, que por sinal estava sem calcinha, eu disse a ela o negrão não tira os olhos de você, ela me respondeu estou com a boceta ardendo, mais não deixou de olhar para o negro, o dono do carrinho eu conheço e gente boa, e percebi que o negrão era amigo dele, acabamos de comer paguei os lanches, ela se levantou da cadeira a saia subiu deu ate para perceber que estava sem calcinha, eu sai dei uma risadinha para o negro peguei o carro e saímos, não quis dar mancada para o dono do carrinho, logo a frente há um descampado um campo estacionei o carro, isso já era umas 4 horas da manha, deixei o lanterna acessa pois estava muito escuro, levei ela para o capo do carro tirei a roupa dela deixando ela peladinha, e comecei a foder com ela, nisso percebo o negrão chegando, ele entendeu o meu toque, ela debruçada no capo eu fodendo ela, o negrão chegou eu sai dei lugar a ele, no escuro nem dava para ver a rola dele, mais quando ele começou a meter nela, nossa ela pedia devagar caralho que rola grossa, ele tinha uma rola enorme, e muito grossa, fodeu para caralho, e de repente ela gritou ela havia metido no cu dela, nossa socava forte não deixou ela sair fora meteu todinha lá dentro ficou fodendo ate gozar, nossa coisa de louco mesmo, foi uma noite maravilhosa, nunca metemos tanto assim, ela gozou como nunca, ficou toda dolorida mais satisfeita, quando a gente pensa naquela noite a gente fode gostoso, estamos tentando novamente, já metemos outra vez com o dono do bar o nordestino, foi maravilhoso, ela esta insaciável quanto mais mete mais quer meter, maravilhoso.