Reencontrando Seu Luís


Click to Download this video!

Olá sou a Michele do conto: “Dei para o meu sogro e me viciei em coroas!
Estou aqui para contar o que aconteceu hoje 17/05. Quem leu meu conto anterior sabe que terminei com meu ex porque ele me traiu e acabei ficando com o pai dele. Bom meu ex continuou me procurando e segui o conselho de uma das pessoas que comentaram no meu conto, bom em uma dessas vezes que meu ex me ligou eu atendi e aceitei conversar com ele pra ver se nos “entendíamos”, mas dei várias desculpas para não ir pra nenhum lugar e nem pra que a conversa fosse na minha casa porque eu queria ir pra casa dele pra ver o seu Luís de novo e de alguma forma tentar combinar algo com ele, tudo foi indo como eu imaginava e ele me chamou pra ir na casa dele conversar, combinamos a hora e lá fui eu, quando cheguei ele estava sozinho em casa pois o pai dele saiu pra ver o futebol num bar com uns amigos, então fiquei enrolando e inventando vários assuntos que nós precisaríamos resolver antes de eu pensar em voltar com ele pra ver se dava tempo do pai dele chegar antes de eu ir embora. Ficamos conversando na sala até que por volta das 18:30 o pai dele chegou, quando vi ele meu coração deu um disparo e a vontade de pular em cima dele começou a vir e não vou negar, comecei a ficar excitada é como se o meu corpo pedisse por ele. Ficamos conversando mais um tempo e umas 19:00 eu disse que teria que ir embora pois estava ficando tarde e onde eu moro é um pouco barra pesada então eu realmente tinha que ir embora, o pai dele se ofereceu pra me levar e o André (por enquanto meu ex) quis ir junto mas o seu Luís disse pra ele ficar pra ver uns papéis da loja pra ele pois eles trabalham junto numa loja de jogos de vídeo game do pai dele e ele aceitou e seu Luís ainda disse que depois ia “passar no mercado” pra comprar alguma coisa pra eles comerem. Quando entrei no carro dele e viramos a esquina ele parou e nem disse nada, só me deu um beijo muito gostoso que eu estava com muita saudade e perguntou se poderíamos ir pra outro lugar no caso um motel que tem ali perto, mas eu não gosto de motéis, sério é uma coisa minha, já fui em motel mas não me sinto nada a vontade, então ele parou em uma ruazinha morta sem movimento nenhum de um condomínio fechado que tem ali no qual ele tem um imóvel então seria totalmente normal ele ter acesso ali sem levantar suspeita nenhuma, quando estávamos chegando o filho dele me ligou e pra não levantar suspeitas ele parou o carro e eu atendi, conversei com ele cerca de 5 minutos e disse que ia tomar banho e que depois conversaríamos. Quando desliguei o celular o pai dele já veio pra cima, como sempre me dando muitos beijos deliciosos e bem envolventes, a mão dele percorrendo meu corpo todo até que chegou na minha xota que pedia por mais, ele começou a me dedar bem gostoso tratando meu grelinho com muito carinho mas ao mesmo tempo me fazendo sentir muito tesão, abri o zíper da calça dele e cai de boca, chupei direitinho da cabeça até as bolas e eu queria tudo pra mim, ele inclinou um pouco o banco pra trás e pediu pra eu cavalgar ele o que eu fiz rapidamente, quando sentei senti minha xota piscando e apertando o pau dele de tanto tesão que eu tava sentindo e eu cavalgava feito louca que nem conseguia me controlar e gemia alto pedindo por mais e mais quando ele sentiu que ia gozar ele pediu pra eu parar, abriu a porta do carro, me colocou deitada no banco e começou a me chupar, lambia minha buceta que aquela hora já estava encharcada o bigode volumoso dele mais uma vez roçando meu grelo me levando ao delírio e mais uma vez gozei com ele chupando minha xota, quando gozei ele veio e meteu de novo e começou a bombar forte em meio a excitação ele me dizendo que eu era uma puta safada e que iria me comer todinha do jeito que eu queria, ele disse que já ia gozar e eu pedi pra ele gozar nos meus peitos o que ele aceitou na hora, levantei minha blusa, me abaixei na frente dele e comecei a chupar, umas 3 chupadas depois ele disse que ia gozar e tirou o pau da minha boca e gozou nos meus peitos, pescoço e um pouco na cara, novamente muita porra do jeito que eu gosto e disse que guardou tudo pra mim, nos limpamos e ele me levou pra casa. No meio do caminho eu disse que não queria mais namorar com o filho dele mas fui lá só pra ver ele e tentar alguma coisa de novo porque eu tinha adorado tudo o que fizemos, ele disse que o filho dele não poderia saber porque ele gostava de mim mesmo e que se ele soubesse poderia estragar a relação dos dois e eu também não quero isso, por mais que eu tenha sofrido por causa dele eu também sou muito família e estragar a família dele que já não é muito estruturada é algo que eu realmente não quero. Então combinamos de nos falar por WhatsApp, pra ficar melhor e não levantar suspeita fiquei de comprar outro chip e usar um outro celular velho que tenho para falar com ele, assim posso usar outro nome e outra foto pra despistar. Antes de chegar em casa ainda me deu um beijo muito gostoso que me deixou louca querendo ele dentro de mim mais uma vez, mas já estava ficando tarde e ele ainda tinha que comprar alguma coisa em algum mercado pra confirmar a história pro filho de que tinha ido no mercado, não vejo a hora de chegar amanhã pra eu comprar um outro chip e falar com ele, não sei se é só tesão ou até mesmo uma paixonite mas quero ele de novo o mais rápido possível…
Ah, e obrigado a MOÇA INDELICADA que deixou um comentário com um conselho que eu resolvi seguir rsrsrs 😉