Minha infância Fim


Click to Download this video!

Continuando… Assim que D.Rosa enfiou o dedo no buraquinho de paty ela se remexeu como se fosse acordar.
Ai D. Rosa me pegou pela mão e me levou para seu quarto e me perguntou:
– vc tá com medo de quê? Eu te machuquei? Doeu quando eu chupei seu pauzinho?
Apenas respondi que não.
– então meu amor a tia gosta de brincar com vc.
– vamos brincar… Prometo que vc vai gostar…. So não pode contar pra ninguém… Pq se não acaba.
Eu estava estático imóvel como uma pedra…tinha medo mas não sabia de quê. Queria apenas ir embora.
Mas D. Rosa estava me convencendo, disse também que quando ficasse maior faria aquilo quase todos os dias e sempre iria querer mais.
Concordei em ficar, ai ela começou a tirar a roupa ficando completamente nua. Apesar da idade ela tinha o corpo bonito, seios pequenos bicudos e muito cabelo na perereca.
D. Rosa se ajoelhou e abaixou meu short dizendo: Vamos acordar esse molequinho. Ela tirou meu short e minha camiseta e começou a abocanhar meu pau todo em sua boca. Nossa! Ela chupava engolindo ele todo ate a língua encostar nos meu saco, me segurava pela bunda me trazendo cada vez mais pra ela e me ensinou o que era punhenta dizendo que se eu fizesse todo dia uma hora iria começar a sair leite. Na hora fiquei encucado, mas quando fiz 10 anos começou realmente a sair leite.
Depois de chupar um tempão ela me pediu pra eu me encostar na parede e me segurar. Depois ela ficou de costas pra mim com aquela bundona grande e branca se apoiando na peça da máquina de costurar, ficou toda empinada se esfregando e roçando no pau até pegar ele com a mão e por dentro dela.
Nossa! Como era quentinho, entrou todo ai ela começou a me empurrar jogando a bunda pra trás cada vez mais rápido, as vezes saia e ela colocava novamente e quando entrava estava mais quente e molhado de quando saiu.
Ela fazia força na peça e balançava a bunda contra meu pau e eu so me segurava encostado na parede sendo pressionado pelo corpo dela. As vezes ela olhava pra trás e dizia: – ta gostoso Paulinho humm gemendo e fazendo mordendo os lábios.
De repente ela começou a empurrar a bunda com mais força me espremendo contra a parede e ficou reclamando que queria gozar. Mas eu não entendia nada.
Com a rapidez meu paizinho saiu de dentro dela, ai nessa hora ela começou a catar ele com uma das mãos direcionado novamente só que dessa vez não entrou fácil estava apertado e doeu. D. Rosa então cuspiu na mão e esfregou onde ela queria. No cu… Direcionou novamente a pica e forçou de uma vez so a bunda contra mim. Acho que entrou lascando pq me lembro de ficar com a pica dolorida e ferida por alguns dias.
Com a outra mão ela enfiava os dedos na buceta. Fez tão rápido que ate se mijou. Pois escorreu pelas pernas molhando o chão.
Assim que terminou a euforia D. Rosa se jogou na cama toda aberta e ficou rindo sem parar dizendo que gozou gostoso.
Depois disse que eu precisava tomar um banho antes de ir pois estava cheirando a xoxota e que se fosse assim pra casa alguém poderia desconfiar.
Ela mesmo me deu banho… Só que dessa vez foi tipo como minha mãe fazia. Me ensaboando bem e me lavando todo.
Novamente D. Rosa me pediu para guardar segredo e me deu uma porção de chocolates.
Os dias passaram e tudo aquilo não saia da minha cabeça. Paty voltou pra casa dela no interior. Eu comecei a ir quase todos os dias na casa de D. Rosa estava viciado pois ela adorava me chupar. So que teve um dia em que eu sair da casa dela ainda com o pinto duro e acho que minha mãe viu.
Desse dia em diante minha mãe e minha vó me proibiram de ir na casa dos vizinhos e de fazer favor pra eles.
Teve so mais uma vez que eu entrei la e D. Rosa so me punhentou e disse que não faria mas nada porque eu alivia dado com a língua nos dentes.
Não sei ao certo mas acho que minha vó desconfiou de alguma coisa e conversou com ela. Pois ela parou ate de me pedir as coisas.
Hj tenho 28 anos e já faz um bom tempo que D. Rosa é falecida e eu ate já moro em outra cidade e tudo mais.
Porém nunca vou me esquecer de ter virado homem com uma mulher mais velha.
Ate hj prefiro as coroas pois sabem fazer gostoso. Nada contra as novinhas mas é que são muito apressadas.
Se alguma coroa estiver afim de manter um contato me procura terei o prazer em conhecer.