Ofereceu os irmãos


Click to Download this video!

Mais uma vez escutei e to contando…Morava num bairro carente pois meu pai comprou um comercio em frente da praça desse bairro,sem exageiro a nossa casa era a melhor do bairro,meu pai reformou e tranformou em mercadinho o comercio,ficando tudo novinho.A garotada ficava olhando minha bicicleta nova,meus tenis e roupas,pois a diferença era grande;por isso,depois da curiosidade do iniçio,fiquei meio isolado,todas as sesta feira faziamo a limpesa das caixas dos legumes para receber produtos novos para o fim de semana;assdim que levei pra fora as caixas,vi uma menina com mais tres crianças recolhendo tudo o que podia aproveitar,depois de algum tempo vi quando ela pediu ao meu pai se podia levar uma dos caixotes e que traria depois,meu pai deixou e la foi ela com os outros agarrados na caixa.Trabalava eu e meu pai pois durante a semana o movimento era pouco,nos finais de semana minha mae ajudava,eu estudava de manha e ficava no mercadinho de uma as seis da tarde.No outro dia la vem a menina entregar o caixote,meu pai me olhou e comentou sobre a onestidade da garota,e disse que ela podia vir nas segundas e sesta que ele separaria os legumes pra ela,nessa semana. Fiquei sozinho poismeu pai tinha saido pra buscar mercadorias,chovia e o movimento era nemhum;ai entrou a menina veio sozinha e tava toda molhada fui gentil e ofereci uma toalha,ela asceitou e sentou numa caixa de frente pra mim,sem querer olhei e vi que ela estava sem calcinha por baixo do vestido,fiqueidisfarçando e olhei de novo,ja meu pau ficando duro,com segundas intençoes comecei a puxar conversa,nunca tinha visto uma bucetinha,pois com os meus 13 anos ainda nao tinha experiencia nanhuma sobre sexo ao vivo, so nas revistas,e nos dvds porno.e vivia de punheta;derepente a conversa virou pro lado da putaria,e ela me perguntou sem mais nam menos se eu ja havia metido em alguem;gaguejei e menti dizendo que sim,ai ela perguntou se meu pau era grande,e se eu queria uma garota,fiquei babando e disse que sim;perguntou quando e eu disse que amanha vou ficar sozinho de novo.Meu pai chegou e eu subi pra casa no banho bati uma bela punheta pensando no dia seguinte.Voltei da escola,e,quaze nem almoçei,fui pra loja e meu pai saiu,meia hora depois entra a menina acompanhada de sua irma,perguntei;cade a garota;è essa; e e mostrou sua irma,que correu e segurou meu pau por sina da bermuda,quiz sair fora mais acabei deixando pois tava gostoso,passei a mao na sua xotinha, a onde nois vamos? seguimos os tres pra traz do balcao,botei meu pau pra fora e ela segurou,enquanto a outra vigiava botei o pau na boca dela que começou a chupar,fiquei quaze maluco de tezao que gozei em dois minutos,tirei o pau da boca e airma disse bota na frente,e,levantou a sainha da irma;vi que ela tava ja sem calça,eta tezao brabo,o pau ja subiu denovo,sentei ela numa cadeira de pernas aberta e coloquei meu pau`é claro que nao entrou,comesei a pincelar e gozei de novo,me ajeitei desci ela da cadeira,dei uns doces e fomos pro salao poi estava chegando um freguez,atendi e ele foi embora,ai a menina disse seu pinto nao e muito grande,acho que ela guenta na bunda e meu irmao tambem,saiu e trouxe o irmao um pouco maior que a outra,fui logo levando pra traz do balcao,ele baixou o chort e lambuzei meu pau com cuspe e empurrei tudo,ele reclamou mais a irma que estava abaixada vendo o pau entrar brigou com ele,que so gemia,soquei ate gozar ficando com as pernas bambas,tirei de dentro e fui no banheiro me limpar pois meu pau tava sujo de merda,voltei conversamos mais um pouco e perguntei se ela fazia tambem ; ela riu e nao respondeu,deu tichal e foram embora.Ela so apareceu na sesta pra pegar os legumes que eu ja tinha separado desde cedo,converçou comigo naturalmente dizendo que nois jogavamos muitacoisa boa fora e saiu arrastando a caixa dando um teloguinho com as maos,passei o final de semana me acabando na punheta pensando em tudo que aconteceu,e sonhando com o que eu faria com aquela menina,tao novinha e tao safada,acho mesmo que ela sentiu tezao vendo eu enrrabar o irmao,na segunda ela veio mas eu estava no colegio,e,nao apareceu mais ate sesta ,e eu tambem nao estava sei que ela veio pois meu pai disse que ela perguntou por mim.À noite sai de bicicleta pra ver se encontrava ela pois queriagozar em quem ela me arrajasse,achei ela na rua de traz,parei e ela trepou no bagageiro e mandou eu seguir em frente,andamos uns 500 metros e as casas foram acabando, nao tinha luz na rua, paramos junto a umas pedres grandes na beira da rua, ela correu e entrou numa fenda entre as duas pedras,passei com minha bayke e vi ela sentada numa peda,sentei do lado e começei a passar a mao por todo corpo dela ela soriu e me beijou,ficamos pelados,forrei o chao com nossas roupas,deitamos e ela pediu pra eu lamber sua xota,vacilei mas acabei fazendo,ela rodou e me chupou tambem,ficamos um bom tempo num 69 ate eu gozar, nao sei se ela gozou pois sou inesperiente,ela deitou de barriga pra cima,deitei sobre ela e nos beijamos,mesmo nao tendo peitos botei minha boca e chupei como via nas revistas;alizei sua xotinha liza e tentei enfiar o dedo,semti que tava tampada,lambi mais deixando bem melada e coloquei meu pau senti ela suspirar e empurei,ela deu um gritinho de dor e eu tambem, mas continuei metendo ate gozar,o que demorou um pouco pois tava ardendo,quando tirei estavamos com sangue ate na barriga,peguei minha cueca e nos limpamos arrebentei o cabaço dela e o meu cabresto,isso fiquei sabando depois,…continuamos nossas putarias ate hoje.