Eu e leticia filha do meu co-cunhado


Click to Download this video!

Sou Pedro, tenho 36 anos, sou casado a 10 anos, quando nos casamos, eu já tinha minha casa, minha mulher estudou fez vários cursos de inglês, francês, se formou em letras, e já trabalhava, minhas duas cunhadas que eram mais novas que minha mulher nunca tinham estudado, eram semianalfabetas, meus sogros todos analfabetos, e moravam numa casa de madeira, em terreno invadido, mas eu me casei e tudo estava bem, depois de 2 anos eu comprei um terreno ao lado da minha casa e construí la, duas casas, mas visto que meus sogros tinham que sair de onde moravam eu contrui outra casa pra eles la também, até ai tudo bem, mas minha cunhada se casou com Cléuton, uma amigo meu que havia sido traído pela ex mulher, e teve uma filha com essa mulher, anos antes, depois minha outra cunhada se casou também, e eu construí casas pra eles morar la, tudo estava bem, mas aconteceu que Cléuton meu co-cunhado já esta a algum tempo sem falar com a filha dele, que estava com 12 anos, a menina nem o conhecia como pai, mas eu sempre falei, cara vc tem que dar atenção pra sua filha, vc paga a pensão e tem direitos também, de tanto eu insistir ele procurou a filha, e a ex mulher gostou, pois assim ela tem mais tempo pra sair com o marido, e outros manos que ela da, Cléuton começou a levar a filha dele pra la, Leticia, ela era bem inteligente, esperta, e gostou de mim logo de cara, e passou a me chamar de tio, ela com 12 anos já era bem desenvolvida, grande, com seios corpuda, olhos claros, linda, ela gostava muito de ir la, mas só por minha causa, pois o pai dela só gosta de ficar assistindo filmes, e ela nã curte muito, e eu fazia smepre tudo o que ela queria, ela quando saia pedia pra ir comigo, e eu ia, nunca teve nada de mais, com 13 anos ela já bem mais linda e desenvolvida, muito linda, mas era só isso, quando ela fez 14 anos eu dei um presente pra ela, o que ela queria a muito tempo, e ela amou, ai em dezembro de 2015, ela com 15 anos, resolveu vir morar aqui, ela era meio que gordinha, mas só um pouquinho, mas quando me abraçava algo começou a mudar, os seios dela, tocava em mim, o cheiro dela, o cabelo dela, sei la, mas mexia comigo, eu tentei evitar qualquer pensamento errado, ao passo que minha esposa ficou depressiva devido a morte da avó dela, e da irmã mais nova dela, que havia se casado também, uma tristeza, ela hj esta afastada do trabalho, e ficou muito devagar em relação ao nosso casamento, deposi de ter tentado de tudo, ela não reage, eu tenho muita paciência, mas ela se abateu muito, e vive a base de calmantes, e remédios, e eu fico meio que de lado, na questão sexual, romântica, e Leticia veio se achegando cada vez mais, teve um dia que eu estava em casa, e Leticia vem, todos tinha viajado, mas ela não quis, disse que era pra me ajudar a cuidar da minha mulher, e ficou la conosco, ela usava saias curtas, shorts curtos, e como minha mulher nem estava ciente das coisas ela aproveitava, as vezes saia de toalha do banheiro, teve um dia que ela veio e pergontou como eu aguantava ficar sem mulher, eu respondi, mas eu tenho mulher, e ela falou, mas ela não tem nada com vc, e eu disse, tem sim, quando ela dormi eu posso fazer o que quiser, mas ela falava, mas assim não deve ser bom, foi ai que ela falou, tio me ajuda e eu te ajudo, e eu falei, mas o que vc quer que eu faça, e ela falou, me fale se sou bonita, eu disse, sim vc é linda, ai ela veio e me beijou na boca, eu tentei sair, mas ela veio e sentou no meu colo, e falou, tio, vc pode me pegar, só vc, eu não sei como é, só me masturbo, mas vc sabe fazer, então vem, eu falei, não filha, vc é minha sobrinha, e ela falou, só por consideração, mas posso ser mais, e vc também pode ser mais pra mim, ai eu não aguentei e a abracei, ela pegou minha mão e levou aos seios, que seios deliciosos, depois levantou tirou a calcinha e me deu, e falou, ve se gosta, do cheiro, vc é homem e homem gosta, eu cheirei, humm quentinha, húmida, ate lambi, e ela falou, vc fazer aki também, não resisitir sentei ela na cama com as pernas abertas e já fui de boca na buceta dela, lambi, psssei bem a língua, e ela começou a rebolar, até que gozou na minha boca, hummm um caldinho delicioso, ai ela falou, vem foi bom, faz mais, que delicia, e eu fui em cima, e coloquei o pau bem ena entrada da bucetinha dela, e fui empurrando, logo entrou e não demorou, e gozamos de novo, foi muito bom, uma delicia, no dia seguinte, a mesma coisa, transamos muito, fui muito bom, e tem sido aé hoje, eu hj a como quase todos os dias, ela não gosta muito de chupar, mas chupa quando peço e toma minha porra, mas não gosta muito, mas de ser chupada, ela vai ao delírio, e que bucetinha delicia, ontem ela engoliu meu pinto, foi muito bom, mas eu tenho sempre que inovar pra ela consegui, as vezes tenho que colocar camisinha de chocolate, as vezes passo caramelo no pau, chocolate, e ela manda ver, mais a pelo ela não curte tanto, é isso, espero que tenham gostado,