Cleiton – o homem que vende queijo


Click to this video!

Meu nome é Thiago, já escrevi alguns contos aqui, ( transando no trabalho I, II e III, transando com um negão, transando com o vizinho, transando com 7 na sauna do hotel, e dando pro Júnior).
Bom, nesse conto vou contar como eu conheci e transei com o cara que vende queijos em frente ao meu trabalho.
Ele é de estatura normal, peitoral definido, bunda discreta, com barriguinha, branco, olhos claros, lábios bem desenhados, rosto bonito, uns 35 anos. Vou chama – lo de Cleiton!
Certo dia, ele estava vendendo seus queijos na rua, em frente ao prédio onde trabalho, ele vende em um pick-up strada, na hora do meu almoço, estava eu conversando, trocando ideia com ele, de repente agente começa a falar de sexo, então ele diz que está na seca a quase, porque sua mulher teve criança a pouco tempo, e não estava tendo relações, já a alguns meses, e ao mesmo tempo que falava ele apertava o seu pau na calça, como quem queria mostrar que estava de pau duro, como não sou nenhum santo eu falei: – você tá com um tesão lascado hem! E que pausão é esse?
Ele respondeu: – é tesão cara, meu pau não amolece por nada!!
Eu: – deixa eu aliviar você!! vai ver como eu faço você ficar de boa!! disse sorrindo meio safado!!
Ele aceitou na hora, só falou pra marcar a hora, pois tinha que fechar o carro para irmos, então nós combinamos de ser na hora de ir embora, assim não teria ninguém no prédio, e ficaríamos a vontade e sem pressa! Trocamos números de celular, Ele concordou.
A 19:00 horas em ponto ele me ligou, perguntando se podia vim!! eu respondi que sim, e alguns minutos depois ele estava na minha sala, então conversamos mais um pouco,
Eu: – e aí o que você curte?
Ele: – você pode começar me beijando!! ( sorriso safado )
Eu: – deixa eu ver se esse pau esta duro ainda! ( Falei apertando a mala dele )
Ele: – safado você hem!!
Nos abraçamos e já fui beijando aquela boca bonita e gostosa dele, ele amassando minha bunda enquanto me beijava, levantava minhas pernas, alisava minhas coxas e voltava a apalpar minha bunda! já tirando minha camisa, eu tirando a dele, quando vi aquele peitoral, comecei a apalpa – los, chupando os mamilos, fui descendo minha mão e abrindo o botão e o zíper da calça dele, ele tirando a minha da mesma forma, enfiei a mão dentro da cueca arrancando aquele pau gostoso para fora da cueca, pegando nele fazendo vai e vem, ele fazendo o mesmo comigo e apalpando minha bunda, ( realmente ele parecia esta sem fuder fazia tempo. )
Ele: – vai chupa meu pau vai!!
me abaixei e comecei a mamar aquele pau gostoso! (devia ter uns 18 cm, e grosso)
ele gemia igual um cavalo enquanto eu chupava, eu mamava como se aquele pau fosse um pirulito, enfiava todo na boca, tirava devagar e lambia ele até a base chupava as bolas, subia de novo, e começava novamente, ele enlouquecia, depois nos deitamos no chão e começamos um 69 muito gostoso, eu chupava o pau dele, ele chupava o meu pau que já estava latejando, de repente senti sua língua quente e molhada no meu cu, que delicia!! ele chupava meu cu, e quando ia chupar meu pau ele enfiava uns 2 ou 3 dedos no meu cu, me levando a loucura!! quando sentir o pau dele pulsar mais forte, ele estava gozando na minha boca, sentir uns 3 jatos fortes de porra na minha boca, engoli tudo (que delicia de leite), o pau dele amoleceu um pouco, ele pediu para eu bater uma nele, para endurecer mais, pois ele ainda estava com muito tesão, comecei a bater punheta nele, quando o pau dele endureceu de novo, ficou duro como pedra novamente, ele me posicionou de quatro, e disse que ia começar a fuder meu cu, eu de imediato fiquei de quatro pra ele, que primeiro deu mais umas chupadas no meu cu, e com o dedo foi fazendo meu cu abrir para ele meter, depois foi metendo de vagar, e depois começou a bombar mais forte, e ficou ali metendo no meu cu por uns 10 minutos, dai ele pediu pra mudarmos de posição, fiquei de frango assado, ele veio e meteu mais um tempo, e depois ele pediu para eu cavalgar no pau dele, fiz isso, mano eu sentia o pau dele ir lá no fundo do meu cu! ( que delicia) fiquei uns 10 minutos cavalgando sobre ele, ele dando uns tapinhas na minha bunda, me chamando que gostoso, que eu tinha o cu mais gostoso que ele já tinha comido, depois de um tempo ele me virou de lado sem tirar a rola do meu cu, e continuou bombando forte, nosso agente já estava trepando a mais de um hora, eu tava todo ardido já, mais tava aguentando forte e ele também, ele tirava o pau todo do meu cu e colocava pra dentro de novo numa estocada só, um macho sem sexo, é ótimo na hora de comer agente, por que eles acham que é o ultimo cu do mundo, depois de um um tempo, ele disse que ia gozar, e perguntou se queria tomar leitinho quentinho de novo, é logico que eu disse que sim, então ele tirou aquele pau enorme do meu cu e começou a meter na minha boca da mesma forma que metia no meu cu, num vai e vem frenético, até que senti ele jorrando porra na minha boca de novo, que delicia de porra!! depois disso nos limpamos, vestimos nossas roupas para ir embora, ele disse que aquela havia sido a melhor foda que ele já feito, ele gostou mais até que das fodas mais quentes que teve com a mulher dele, e disse que queria repetir a dose, desde então toda vez que ele vinha a São Paulo vender seus queijos, agente dava uma trepada gostosa!!