Perdendo a virgindade com meu tio a força

Click to this video!

Bom vou começar o meu conto mas contarei com nomes fictícios.
Me chamo Yza sou morena cabelos pretos, tenho 1,58 alt, 50,kls bem distribuídos no corpo.

Tudo aconteceu quando eu tinha 13 anos e o meu tio tinha 46, vou chama lo de Pedro.
. Sou a filha mais nova do meu pai.
A minha irmã mas velha de nome"Ana" foi morar com um casal de tios nosso na capital e como eu ainda estava no ensino fundamental fiquei em um interior onde morávamos com o nosso pai.
. Eu era muito sapeca gostava de jogar bola com os meninos e meninas de lá, certa noite o meu pai saiu pescar a minha irmã ligou e falou que eu iria passar as férias de meio do ano com ela em Palmas no Tocantins fiquei feliz da vida.
Pois apesar de ter 13 anos era muito bons, fiquei contando os dias para chegar logo o dia de eu viajar.
. Finalmente chegou o grande dia ela ficou de me pegar na rodoviária mais quando cheguei ela não estava então veio um homem na minha direção e perguntou o meu nome então respondi sou a Yza ele então falou sou o Pedro seu tio vim buscar vc . Fiquei meio receosa mas fui com ele.
. Chegando lá minha irmã estava na área com a minha tia e um primo ainda bb.
. Cheguei fui bem recebida por todos . Então minha irmã foi me mostrar o quarto em que eu ficaria e depois me mostrou o dela.
. Então os dias foram passando e um dia minha irmã foi ao parque com a minha tia e o meu primo como eu era do mato gostava mais de ficar em casa. Elas disseram que quando o meu tio chegasse me faria companhia eu apenas concordei.

Passaram se apenas alguns minutos e o meu tio bateu na porta do meu quarto perguntando se eu estava sozinha, falei que sim ele perguntou se podia entrar,eu falei que sim.
Ele entrou e ficou puxando assunto logo depois ele veio perguntando se eu tinha namorado,falei que não ele levantou e saiu .
. Fiquei sem entender nada logo depois ele voltou e falou q a minha tia tinha ligado e falou que ia pra casa da sogra dela e chegaria tarde, eu apenas falei tudo bem.
. Eu perguntei o que íamos jantar ele falou que pediria uma pizza concordei e voltei a ver tv.
Então o meu tio veio perguntou se podia sentar falei ele sentou, percebi que ele tinha bebido.
. Então começou me elogiar dizendo que eu era uma menina muito bonito e que meu corpo já era bem desenvolvido pra minha idade. Fiquei com vergonha e ele nem ligou eu estava usando uma saia e uma camiseta então ele veio subindo em cima de mim e me pediu um beijo falei que não e ele continuou insistindo eu falei pra ele sair do meu quarto e que estava ficando com medo.
. Ele levantou e saiu quando já ia trancar a porta ele empurrou e tomou a chave da minha mão, e trancou a porta e falou que eu tinha de dar tudo que ele pedisse por bem ou por mal.
. Ele foi chegando perto e me agarrou pela cintura e me jogou na cama subiu em cima de mim e arrancou a minha saia eu comecei a chorar com medo nem sabia que o pior ainda estava por vir, e começou a me beijar e começou a me chamar de caipirinha gostosa e que ele queria meter a vara dele em mim eu falei que não queria ,então ele falou que eu não queria mais ele queria e eu tinha que deixar.
Ele meteu a língua na minha boca e eu não sabia o que tava acontecendo a minha buceta tava úmida e ele meteu a mão por dentro da minha calcinha e começou a me masturbar e começou a me chamar de safada dizendo que se eu tava molhada era porque queria vara .
. Ele tirou a cueca e quando vi aquele pau enorme tremi de medo acho q tinha uns 23,cm ele empurrou na minha boca e mandou eu mamar direito porque se não quando chegasse a vez da minha buceta ele arrombaria sem pena, com uns 10 minutos socando na minha boca ele gozou q nem um cavalo.
. E foi logo anunciando que queria mas, eu comecei a chorar e ele ficou bravo disse pra mim abrir bem as pernas que ele ia comer minha buceta e deitou em cima de mim eu tentei fechar minhas pernas ele agarrou e falou que era pra eu ser boazinha que ele ia meter so a cabeça, ele segurou bem a minha perna e colocou o pau na entrada da. Minha buceta e meteu de vez achei que fosse morrer e passou 2 minutos parado e depois começou a bombar forte ainda doía muito e eu mandava ele e ele dia que agora que ele tava se deliciando ia fazer do jeito dele ele metia tão forte que a dor diminuiu e eu comecei a sentir prazer que comecei a gemer baixo para ele não notar que tava gostando, mas quando ele viu que eu tava gostando começou a falar no meu ouvido goza no pau desse cavalo aqui sua putinha goza vaii ai não aguentei e comecei a falar ai tio vou gozar ai…. Vou gozar
.. Aiiii….aiiii….ele não esperou e gozou junto comigo.
De repente ele tirou o. Pau da minha buceta ainda cheio de porra e falou que agora ele ia comer meu cuzinho, eu gelei mas já estava cheia de tesao ai falei pra ir com calma ele começou a esfregar a cabeça do pau na entradinha minúscula do meu rabinho e metia o dedo na minha buceta e com a outra mão metia na minha boca e falando que aquilo tava dando um tesao louco e que não tava mais aguentando e ia meter todo de uma vez eu quis grita mas ele tapou a minha boca e ficou parado depois começou um vai e vem a dor já não era a mesma e enquanto ele metia o dedo minha buceta gozei que nem uma louca e ele logo em seguida soltou um jato de porra que parecia não para mas.
. Quando terminou me levou pro banheiro e me lavou e quando ia saindo falou que da próxima vez ele traria o irmão dele também. E foi assim durante as minhas férias toda noite o meu tio me comia e o irmão dele também dormia lá de vez em quando….
. Acho que por isso fiquei viciada em. Homens de pau grande e bem mais velho….
bay