colo continuaçao

Click to this video!

colo…continuaçao.
ja tem algum tempo que escrevi um conto chamado colo vale à pena ler pra entender melhor esse agora;meu nome é rafa e contei aqui duas situaçoes que aconteceram comigo e dois sobrinhos de seis anos,disse que estava viajando e que quando voltasse ia procurar saber com quem os dois faziam,pois eles com certesa ja tinham dado seus cuzinhos;no mesmo dia que cheguei de viagem tavinho e a irma iam dormir la em casa, pois´meu irmao e a mulher estavam comemorando aniversario de casamento e passariam a noite fora,pra entenderem, o tavinho foi minha segunda experiencia,a primeira foi com o wander,comi os dois com quatro dias de diferença um do outro,gostei muito de meter neles mas, fiquei curioso em saber quem tinha aberto seus cuzinhos,e como eles aguentavam uma pica no cu sendo tao novinhos, mas continuando: na hora de dormir tavinho quiz dormir no meu quarto e parece que ele adivinhou meus pensamentos,entramos no quarto e ja fui botando meu pau pra fora,ele olhou e riu, e rapidamente ficou pelado,tirei minhas roupas e fui ao banheiro pegar o gel,quando voltei ele estava de bundinha empinada me esperando,passei o lubrificante e deitei sobre ele,meu pau deslisou pra dentro,mesmo entrando e saindo com certa facilidade eu sentia seu cuzinho latejando no ritimo das batidas do coraçao,vendo meu pau atolado naquele cuzinho minusculo e latejante,gosei,fiquei com o pau por um bom tempo dentro,quando tirei ainda estava duro,ele pediu pra continuar mas eu disse que ia descansar um pouco,sem que eu mandasse ele foi ao banheiro e cagou minha porra,quando ele voltou comecei a querer saber quem tinha arrombado seu cuzinho,a principio ele nao falava,mas convenci e ele me contou que ele fazia com um empregado do predio,e que uma vez doeu mas depois focou bom e eles faziam quase todos os dias,matei minha curiosidade e voltei a meter,quando fomos dormir ja estava amanhecendo,meu pau doia e o cu dele estava estufado e todo aberto,parecia que nunca mais iria se fechar,acordamos as 10 hs e dei banho nele,fui mijar e meu pau ainda doia um pouco,deitei o tavinho na cama e seu cuzinho tinha voltado ao normal, so tava um pouquinho inchado,depois do almoço seus pais vieram e ele foi pra casa; bem agora so faltava meter e saber mais do wander,no domingo vieram todos almoçar com minha mae.e como e de costume todos tiram uma soneca depois do almoço,fiz sinal e o wander veio pro meu quarto,fechei a porta e sentamos na cama,comecei a conversar pra saber que tinha tirado suas preguinhas,ele agiu diferente do tavinho, foi logo falando,tio, vou falar mas nao pode contar pra ninguem ta;concordei e ele disse que quem metia nele era o pai dele e que toda vez que a mae saia seu pai metia nele,e tambem fazia ele chupar,quando estava me preparando pra comer o cuzinho dele,bateram na porta,era o tavinho com seu cuzinho piscante,resolvi arriscar e deixei ele entrar,os dois ficaram sem graça mas eu propus ¨brincarmos¨os tres juntosai lubrifiquei o wander e empurrei meu pau nelefiquei metendo por uns 10 minutos,lubrifiquei o tavinho e meti tambem,fique revesando de cuzinho sem gozar,quando senti que ia gosar tirei o pau do cu do tavinho e enfiei na boca do wander e segurei sua cabeça gosando tudo no fundo de sua garganta,o safadinho engasgou mas engoliu toda minha porra,combinamos deles nao contarem nem pro pai nem para o empregado do predio, e assim quando eles foram embora com suas familias eu fui tomar meu banho e bati uma punhete em homenagem àqueles cuzinhos minusculos,..pronto estava viciado neles e dois dias depois foi a vez de minha sobrina clara , um ano mais nova.