Quem curti uma rola não pensa nas conseguencias


Click to this video!

Bem o que vou relatar e uma historia que aconteceu comigo já alguns anos trás, eu tenho um caminhão basculante trabalhava com material a granel,trabalho para um firma que fica numa Cidade vizinha a que moro, eu desde garoto me viciei no sexo anal, comecei com as troca trocas, mais gostava mais de dar do que de comer, sou casado, adoro uma boceta mais curto também uma rola na bunda, sempre fui um cara preparado, tinha na época um corpo bonito uma bunda linda redondinha durinha, arrebitadinha trabalhada de academia,

Eu sempre descarregava na firma, quasse todos os dias, um dia por problemas mecânico me atrasei a firma só recebia caminhão para descarga ate as 22 horas, eu fui o último, esta firma ficava no pé de um morro, tinha um nascente de água, que foi canalizada e construído um vestiário, com chuveiros, e tinha um local que a gente lavava o caminhão, pois fica cheio de pó do produto que descarregava, descarreguei fui bater uma água no Caminhão, fazia muito calor, eu todo soado foi para tomar um banho, a firma já estava fechada para descarga, no vestiário eu acabei encontrando o Fernando o funcionário que recebe a mercadoria, estava tomando banho, quando eu vi a rola dele nossa quasse tive um treco, o cara tem uma rola enorme uns 23 cm, e muito grossa, ensaboando a rola nossa uma cabeça, que se destacava muito do corpo da rola, muito cabeçudo, me arrepiei todo, só que não podia dar mancada eu era muito conhecido na empresa ele poderia comentar com alguém, fiquei com medo, mais ele percebia que eu olhava muito para a rola dele, tirei a minha bermuda para tomar um ducha, comecei perceber que ele olhava para minha bunda, e alisava a rola percebi que ela começou a ficar dura, crescia uma enormidade, eu para puxar conversa acabei falando a ele esta exitado em, ele me respondeu também com uma bunda linda desta quem não fica, eu me virei fiz uma posição meio sex, empinando a bunda com a bunda virada para ele, e passei a ensaboar a bunda, e dei um jeito para deixar cair o sabonete no chão fiquei debruçado, não pensei em mais nada queria aquela rola, ele me agarrou por trás e ficou brincando, foi difícil aguentar aquela rola, mais consegui ele introduziu ela todinha na minha bunda gozamos que nem louco ele esporrou dentro do meu cu, que delicia fiquei uns dois dias sem poder tocar mais depois fui de novo ficava sempre por ultimo para poder dar para ele maravilhoso.

Acontece que depois disso toda vez que eu iria transar com minha mulher eu pensava no Fernando, minha mulher e muito bonita, umas pernas linda uma bunda maravilhosa, toda trabalhada no bronzeado aquela marquinha do biquine, coisa de louco, adora sexo, anal faz de tudo, só que e muito manhosa, reclama muito, dis que esta doendo e meu pau e pequeno tenho 16 cm só, não muito grosso, eu acabei deixando escapar e falei lá na empresa tem um cara que tem uma rola enorme, muito grossa, cabeçuda aquela tu não aguenta mesmo, ele te arrombaria todinha, iria ficar uma semana sem sentar eu já no auge de tesão falando aquilo, o pau ficou tão duro que ele mesmo percebeu, e me respondeu você que pensa que eu não aguento, e completou me empresta a ele só para ver, eu respondi tu reclama da minha, imagine da do Fernando, ela respondeu reclamar faz parte e charme, nisso acabei gozando.

Passou uns dias ela fez a pergunta quando você vai me emprestar ao Fernando, eu disse tu esta brincando, ela disse não estou não gostaria de conhecer aquilo ficou martelando minha cabeça, eu acabei comentando com o Fernando que minha mulher queria ir lá, só que não era do conhecimento dela que eu dava a bunda, ele perguntou você vai deixar eu foder com ela, eu respondi ela quer vir aqui ai tu mete nela, ficou acertado na sexta feira pois o pessoal largava o serviço mais cedo e ficava mais a vontade eu disse tudo bem.

Em casa eu perguntei tu vai querer mesmo ir lá, olha que depois não tem volta, e outra coisa, não tem cama e no vestiário de pé debruçada no banco, meio desconfortável, ela aceitou, combinamos eu levei ela para a Cidade fiquei fazendo hora para carregar para ser o ultimo a descarregar, depois peguei ela se escondeu na cabine do caminhão para não ser vista pelo guarda porteiro, entramos descarreguei e fui lavar o caminhão, demorou um pouco chegou o Fernando, eu tinha levado ela para o vestiário e já estávamos os dois pelados, quando o Fernando chegou não acreditou que iria foder aquilo, eu já tinha lambuzado a boceta dela de creme, fiquei abraçado com ela ele veio por trás e começou tentando meter nela, na boceta eu me abaixei e chupava a cabeça da rola dele que aparecia na frente, ela foi se acertando e ele meteu dentro, nossa ela gritava reclamava ele socava tudo ela aguentou todinha, na boceta, eu aproveitei juntei dos bancos ela se deitou nos bancos e ele fodeu nela nossa ela vibrava ele acabou gozando dentro, na hora nem pensamos em camisinha, quando ele tirou de dentro dela eu cai de boca chupando a rola dele toda melada e a boceta dela também, nossa que delicia.

Fomos tomar um banho, eu pensei que iriamos embora ela disse eu quero mais ele veio abraçou ela nossa parecia que já eram amantes a muito tempo, se beijaram que nem dois namorados um chupando a linguá do outro sem brincadeira ela pulou na cintura dele ele encostou ela na parede e socou a rola dentro de novo, ele levou ele para o banco e de frango assado foi tentando foder o cu dela, demorou mais entrou, nossa ai foi o problema, o cara já demora para gozar imagine vocês na segunda foda ele judiou do cu dela, tirava tudo e metia de novo, nossa ela vibrava a adrenalina de estar ali fodendo podendo entrar alguém o porteiro por exemplo dava mais tesão, quando ele tirou do cu dela eu novamente chupei a porra todinha que escorria na rola e no cu dela, nossa foi uma experiencia maravilhosa.

Se arrumamos e fomos embora, na portaria eu tinha que dar o nota para ele carimbar, o guarda da noite um senhor de uns 50 anos mulato escuro, bem aparentado, eu disse para minha mulher se escondeu, ela disse para entrar tudo bem agora não precisa, dei a nota para ele carimbar, ele viu minha mulher e disse foi boa a festinha em, demoraram, minha mulher deu uma risadinha e disse foi maravilhosa, ele retrucou que pena que não fui convidado, ela respondeu quem sabe da próxima.

Eu acabei brigando com ela, que ela não deveria ter falado isso deixa quieto amor, quem sabe seja um outro parceiro, fomos embora, no caminho de casa ela me indagou você chupou a rola dele melada de porra, eu disse chupei algum problema ela disse claro que não, ela então disse posso te perguntar uma coisa, eu disse sim você já deu o cu para o Fernando , eu respondi não vou mentir para você já dei sim eu adoro, ela perguntou você aguentou eu disse claro todinha eu sou e macho, e rimos, o Fernando de vez em quando vai em casa meter com ela na minha cama, ela já viu ele foder o meu cu, depois disso perdemos a compostura, acabamos fodendo com o guarda também mais isso e uma outra historia.