Brincando acabei levando ferro (Meu primeiro boquete)


Click to Download this video!

Oi, voltei, pra quem não me conhece eu sou a Thais, autora do conto “Brincando acabei levando ferro”, agradeço a todos por terem comentado minha primeira história, bom já que houveram alguns pedidos vou postar a continuação e pra quem pensa que sou um garoto, podem ficar tranquilos (e continuar a bater suas punhetinhas e siricas, nunca se sabe, pensando em mim rsrs), sou menina rsrs e gostosa, modéstia parte. Agora sem mais delongas vamos ao conto.
Depois daquele dia passei a dar o cuzinho para o João quase todos os dias, devo confessar que estava viciada em levar ferro no cú, sempre nos encontrávamos na casa abandonada no fim da rua, no terreno baldio ou no matagal atrás do campinho, ele ia na frente pra ver se estava tudo limpo e logo depois eu o seguia e começava a festa. Viramos uma espécie de casal. Alguns depois de fodermos pela primeira vez João pediu pra eu chupar seu pinto, no início fiquei com nojo mas acabei aceitando, fiquei meio sem saber o que fazer mas João me disse pra chupar como se fosse um pirulito e eu logo comecei, fui botando ele aos poucos na boca, ainda estava com um pouco de receio de chupar aquilo mas quando passei a língua na cabecinha e senti o sabor, achei uma delicia, era meio salgadinho mas muito gostoso, logo eu já estava chupando com vontade, João guiava os movimentos da minha cabeça com a mão mas logo eu já fazia sozinha, ele gemia e se contorcia inteiro e eu aproveitava cada minuto daquela chupada, estava amando o gostinho de pica na boca. Chupei aquela piroca por uns bons 6 minutos até que João segurou minha cabeça contra seu pau e encheu minha boquinha de porra, engasguei mas engoli tudo, limpei seu piru, lambi e chupei até a ultima gotinha de gozo (depois disso fiquei viciada em chupar pica e beber porra, até hoje eu adoro rsrs).
Uma semana depois de pagar meu primeiro boquete, papai chegou em casa dizendo que tinha ótimas noticias, meus tios e ele haviam alugado uma casa de praia no Guarujá pra gente passar o feriado de natal e ano novo, eu e mamãe já ficamos super animadas (papai e meus tios tem uma empresa de transportes pequena mas que consegue nos manter muito bem). No dia seguinte estava tudo pronto para sairmos, meus tios estavam lá em casa, todos de malas feitas e eu já estava arrumando minhas coisas no carro quando João apareceu lá em casa me chamando pra “brincar” corri com ele pro quintal do fundo da casa e disse que estava indo viajar e que voltaria em uma semana, o safado então pediu um boquete de despedida e eu como boa putinha que sou chupei ele, nos escondemos atrás da casinha de ferramentas e lá mesmo eu levei rola na boquinha. O fato da minha família estar a apenas alguns metros dali só me deixava mais excitada, chupei com vontade aquela piroca e logo João gozou na minha boca. Ele então se ajeitou e saiu me desejando boa viajem, esperei uns minutos pra não dar na vista e sai também mas topei de cara com meu tio Alberto, levei um susto na hora mas me fiz de boba e continuei andando, mas fiquei preocupada. Se meu tio tiver visto e contar pro meu pai eu estaria frita.
Bom, espero que tenham gostado e peçam a continuação nos comentários, ainda tenho várias histórias com meu titio, bjos da Thais e até a próxima.