Pescaria com minha filha 5


Click to Download this video!
Autor

( Continuação de Pescando com minha filha 1,2,3,4 )
………………..Jantamos cedo aquele sábado. Depois de muito tentar, consegui acender uma fogueira no quintal. A lua surgiu tímida por entre as nuvens ainda escuras e anunciando mais chuva. Ana havia mudado….Como falei nos relatos anteriores, dos filhos, ela era a mais próxima. Mas, nunca havíamos tido muito contato físico ( normal ) de pai e filha. Nunca andávamos de mãos dadas ou abraçaçados, e foram poucas as vezes como bebê que peguei no colo. Como já disse, não gostava e não gosto muito de criança. Ela mudou seu comportamento: procurava andar de mãos dadas ou me abraçar sempre que podia. E adorava sentar no meu colo. Mas, não de caráter sexual. Na minha cabeça é que as coisas estavam confusas. Estava preocupado como seria nosso relacionamento depois desse final de semana. O temor de ser descoberto ia e vinha com freqüência. Apesar da maior parte dos abraços e atitudes dela não terem conotação erótica, poderiam notar a brusca mudança de comportamento. Outra dúvida, é se ela passaria a se comportar assim tão carinhosa com todo mundo. Aproveitei então aquele momento de tranqüilidade, onde estava sentado na rede e ela no meu colo e falei.
– Filha
– Hummm
– Sabe essas coisas que aconteceram com a gente ontem e hoje? ( ela afastou as costas do meu peito , girou o dorso e me encarou…)
– Aquelas? ( perguntou com um jeitinho maroto abrindo um sorriso )
– É aquelas e outras….
– Já sei, é para não contar para ninguém…( falou com ar de enfado….)
– Sim, mas outras coisas como beijinho, sentar no colo como você está agora, você não deve fazer. Nem com o pai nem com ninguém. Melhor, só com o pai quando não tiver ninguém… Só nós 2…..
– Entendi
– Entendeu mesmo? ( Fez um sim com a cabeça)
Apesar de saber que tinha consciência do que fazíamos era errado para outras pessoas, ela era uma criança e, não tinha certeza se conseguiria disfarçar.
Pesava também o remorso por fazer uma criança, minha filha, mentir, dissimular….Isso me atormentava mais que o sexo que fizemos em si. Ela gostou, não forcei em nenhum momento… Mas, essa história de mentir, dissimular….Estava com muito peso de consciência.
Após a última relação que tivemos, ao dar banho, notei que sua bucetinha estava vermelha. Como ela tinha pele clara, aquele vermelho constratava bastante. Fiquei com receio que não sumisse e a mãe perguntasse sobre. Como estavavamos muito cansados e, quase dormindo na rede, não fizemos mais nada aquela noite. Dormi profundamente, so acordei para mijar. Despertei por volta de 8 horas.10 horas saímos em viagem. Chegamos à casa da mãe por volta de 14:00. Demorou pois almoçamos num posto na estrada. Quase não falamos durante a viagem. Ela ainda sonolenta, cochilava e dormia de tempos em tempos. Cheguei na casa da minha sogra ( onde ela morava com a mãe e irmão) Ao ouvir o barulho, vieram receber. Descarreguei as coisas dela e arranjei um jeito ainda de quando me despedir, sussurar:
– Segredo ( no ouvido dela) Ela me fitou sem demonstrar reação na hora. Sómente na hora que estava manobrando o carro e a mãe e avõ já tinham entrado levando as coisas dela foi que ela fez um gesto de silêncio, colocando o dedo indicador nos lábios. Sorri e pisquei ela fez o mesmo. Aquilo me tranqüilizou um pouco mas ainda estava bastante preocupado.
Durante toda semana, uma mistura de tesão, curiosidade e medo tomaram conta de mim. Estava bastante estressado. Terça feira morrendo de curiosidade e aproveitando um calor dos infernos que estava fazendo, pedi permissão para a mãe levá-la para tomar um sorvete. O menino veio junto. Fiquei mais tranqüilo pois ela se comportou como a Ana de sempre. Em nenhum momento se mostrou mais afetuosa ou citou algo da viagem. Até meu contato com o menino foi melhor. Contou que ia trocar de faixa no jiu jitsu, e como estava indo bem nos estudos…
Mal conseguia esperar pelo Sábado… quando irir ficar o final de semana comigo.

Finalmente Sábado 10/03, chegou…
(Continua………)

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,39 de 23 votos)
Loading...